Alimentação e saúde ocular

Alimentação e saúde ocular

Certamente, você já ouviu que cenoura faz bem para os olhos. A ideia, popular principalmente entre nossas avós, conta, sim, com um fundo de verdade. Manter uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes é fundamental para o bom funcionamento de todo o organismo e isso inclui os olhos. Ou seja, comer bem ajuda (e muito) a sua visão.

Vitaminas, minerais, antioxidantes e ácidos graxos são fundamentais para o bom funcionamento dos olhos. Eles auxiliam na prevenção de doenças como a Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI), catarata e síndrome do olho seco. Vitamina A e saúde dos olhos andam de mãos dadas. A cenoura, por exemplo, além dessa vitamina também conta com uma quantidade generosa de betacaroteno, fazendo com que ela se torne uma verdadeira aliada quando se trata de prevenção.

A vitamina C, encontrada em abundância em frutas cítricas como a laranja, é uma fonte poderosa de antioxidantes. A vitamina E, por sua vez, atua da mesma forma e pode ser encontrada em frutos como a amêndoa e o amendoim e, ainda, na gema do ovo. Elas são fundamentais para prevenir o aparecimento de doenças oculares relacionadas à idade.

Outro nutriente conhecido por ser amigo dos olhos é a luteína. Trata-se de um carotenoide importante na prevenção de doenças oculares e não é produzido pelo nosso organismo, mas podemos obtê-lo através da ingestão de alimentos como couve, brócolis e espinafre, que também são fonte de zeaxantina.

O ômega-3 também precisa ser mencionado. Encontrado em peixes como o salmão e o atum, auxilia na prevenção da síndrome do olho seco, devido à concentração de ácido graxo. Além disso, minerais como o zinco, presente nas ostras e em algumas carnes, são importantes para que nosso organismo absorva corretamente os nutrientes e vitaminas.

Cuidar da saúde começa no prato. Incluir esses alimentos nas refeições diárias fará bem para a saúde dos seus olhos e também para todo o corpo, atuando na prevenção de diversos problemas. O ideal é apostar em alimentos frescos e variados. Quanto mais cor no prato, melhor!

Fonte: Revista Veja Bem – Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) (http://www.cbo.com.br/novo/publicacoes/revista_vejabem_20.pdf)

Responder

Seu endereço de e-mail não será publicado.